Postado em 22/11/2016 às 15:08

Regiões abastecidas pelo Descoberto terão pressão da água reduzida

Medida começa nesta quarta-feira (23) pela Ceilândia. Volume da barragem voltou a ficar acima dos 20% nesta segunda-feira (21), mas a situação ainda impõe restrições ao consumo

 

 

 

 

 

 
 

A partir desta quarta-feira (23), a Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) começará o procedimento de redução de pressão nas redes de água em 13 regiões da cidade. A diminuição ocorrerá das 7 às 19 horas em locais abastecidos pela barragem do Descoberto.

A primeira região a receber a medida será Ceilândia, onde técnicos da Caesb passarão cerca de três dias para ajustar válvulas e registros, seguindo calendário pré-estabelecido. O objetivo da estatal é reduzir de 5 a 10% o consumo de água na região. A redução continua em vigor até que a companhia considere o nível dos reservatórios seguros para o abastecimento da cidade.

A medida segue um conjunto de ações para amenizar a crise hídrica no DF, como a cobrança de tarifa de contingência sobre a conta de consumo, a restrição no horário para captação por caminhões-pipa, e a orientação para estabelecimentos como lava-jatos.

O governo também elabora a minuta do Projeto de Lei da Permeabilidade, que estabelecerá regras para captação e destinação das águas da chuva, com o objetivo de fortalecer o abastecimento.

Nível do reservatório da barragem do Descoberto

Com o início do período chuvoso, o Rio Descoberto, responsável pelo abastecimento de 65% do Distrito Federal, apresentou leve aumento de volume do reservatório. Até a manhã desta segunda-feira, o nível da água atingiu 20,07%. Há uma semana, em 14 de novembro, era 19,91%.

De acordo com a Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa), Brasília poderá passar por racionamento de água caso o volume fique abaixo de 20%.

Segundo a Caesb, o plano não necessariamente será aplicado de forma automática após o reservatório baixar desse patamar. Para colocá-lo em prática, serão levados em conta três fatores: o ritmo de queda das bacias, as previsões de chuva para o DF e o nível de consumo de água pela população.

Calendário de redução de pressão nas regiões administrativas

Novembro
23 (quarta-feira) — Ceilândia
28 (segunda-feira) — Vicente Pires, Colônia Agrícola Samambaia

Dezembro
2 (sexta-feira) — Samambaia
7 (quarta-feira) — Riacho Fundo II, Recanto das Emas, Gama, Santa Maria
12 (segunda-feira) — Águas Claras, Arniqueiras, Taguatinga, Riacho Fundo I
14 (quarta-feira) — Park Way, Candangolândia, Núcleo Bandeirante

 
 

Fonte: AGÊNCIA BRASÍLIA

 
 

Atualizado em 06/11/2018 às 17:07

 
  •  
  • ENDEREÇOS
  •    Secretaria de Economia do Distrito Federal
  • Anexo do Palácio do Buriti
  • 10º andar, sala 1001
  • CEP: 70075-900
  •    Protocolo Central
  • Protocolo Central Ed. Anexo - Palácio do Buriti, Térreo, sala 106 - Brasília - DF
  • CEP: 70075-900
  • Central 156 (Distrito Federal)
  • 0800-644-0156 (demais localidades)
  •  
  • Acesso à Informação