Postado em 14/12/2018 às 17:19

DF ocupa terceiro lugar em ranking nacional de transparência

Sistema Eletrônico do Serviço de Informações ao Cidadão se destaca no governo de Brasília 

 

 

 

 

 
 

O Distrito Federal ficou em terceiro lugar no ranking da Escala Brasil Transparente (EBT) – Avaliação 360°, divulgado nessa quarta (12).
 

A iniciativa verifica o grau de cumprimento de dispositivos da Lei Distrital nº 4.990, mais conhecida como  Lei de Acesso à Informação (LAI), que garante à sociedade acesso aos dados de órgãos públicos (prazos, documentos, procedimentos e salários, entre outros), e de outros normativos sobre transparência nos estados e no Distrito Federal.

 

Entre as ações que se destacam no governo local está o Sistema Eletrônico do Serviço de Informações ao Cidadão (e-sic).

 

No total, foram avaliados 691 entes federativos – universo que abrange quase 70% da população brasileira. Além dos 26 estados e do DF, todos os municípios com mais de 50 mil habitantes, incluindo as capitais (com base nas estimativas do IBGE em 2017).

 

Neste ano, o balanço também levou em conta a transparência ativa. A Controladoria-Geral da União (CGU) mapeou como governos estaduais e municipais publicam na internet dados como receitas e despesas, licitações e contratos, estrutura administrativa, obras públicas e lista de servidores.A nota alcançada por Brasília foi 9.15. O estado com maior pontuação foi Pernambuco, que atingiu 9.4, seguido pelo Rio Grande do Sul, com 9.29. A média das unidades federativas foi 7.94.

 

Os dados são do Ministério da Transparência e da CGU, e a divulgação faz parte das atividades comemorativas pelo Dia Internacional contra a Corrupção, celebrado em 9 de dezembro.

 

DF estimula transparência ativa

Para estimular a transparência na gestão, o governo do Distrito Federal organiza índice para ações que cumprem a lei de acesso à informação. Divulgado em 5 de dezembro, o 3º Índice de Transparência Ativa premiou 40 órgãos.

 

Secretarias, autarquias, fundações, empresas públicas, sociedades de economia mista, órgãos especializados e autônomos e administrações regionais receberam placa alusiva à conquista.

 

 
 

Fonte: Agência Brasília

 
 

Atualizado em 14/12/2018 às 17:34

 
  •  
  • ENDEREÇOS
  •    Secretaria de Economia do Distrito Federal
  • Anexo do Palácio do Buriti
  • 10º andar, sala 1001
  • CEP: 70075-900
  •    Protocolo Central
  • Protocolo Central Ed. Anexo - Palácio do Buriti, Térreo, sala 106 - Brasília - DF
  • CEP: 70075-900
  • Central 156 (Distrito Federal)
  • 0800-644-0156 (demais localidades)
  •  
  • Acesso à Informação