Postado em 19/12/2017 às 09:16

Publicado edital para PPP do Centro de Convenções Ulysses Guimarães

Concessionária vencedora deve administrar o local pelos próximos 25 anos. Prazo para entrega de propostas vai até 6 de fevereiro

 

 

 

 

 
 

Está aberta, até 6 de fevereiro, a concorrência que definirá o concessionário que administrará o Centro de Convenções Ulysses Guimarães pelos próximos 25 anos.

Nesse período, a Subsecretaria de Parcerias Público-Privadas, da Secretaria de Fazenda, receberá as propostas da iniciativa privada. O aviso de publicação do edital foi publicado nesta segunda-feira (18), no Diário Oficial do Distrito Federal.

O objeto da concessão é a reforma, a modernização e a operação do espaço e de áreas adjacentes, para que se promovam feiras, exposições e eventos. O valor mínimo esperado de outorga é de R$ 2,8 milhões por ano — quem propuser a maior quantia vence—, e de R$ 3,6 milhões no ato de assinatura do contrato.

Após a apresentação das propostas e a homologação do resultado, o objetivo é que a empresa já esteja operando no primeiro semestre de 2018.

Em setembro, o edital de licitação referente à estrutura havia sido publicado, mas o certame foi impugnado pelo Tribunal de Contas do DF. “Foram feitas revisões profundas na parte arquitetônica, nos anexos e no contrato”, detalha o subsecretário de Parcerias Público-Privadas, Rossini Dias.A concorrência é a primeira de uma série de editais de PPPs previstos para 2018. De acordo com o subsecretário, os próximos processos previstos para publicação se referem ao Complexo Esportivo e de Lazer do Guará, ao Parque da Cidade Dona Sarah Kubitschek e à Via Transbrasília.

Centro de Convenções tem 54 mil m² de área

Entre as possíveis fontes de receita para o concessionário estão alimentação, áreas de exposição, auditórios, comissões de contratos, estacionamento privado, internet e telefonia, publicidade on-line, salas multiuso e de apoio e serviços de recepção.

Palco ideal para eventos de médio e grande porte, o Centro de Convenções tem 54 mil metros quadrados de área construída.

O espaço é dividido em três alas — Norte, Sul e Oeste — e cinco auditórios — um deles, o Master, com capacidade para 3 mil pessoas —, 13 salas moduláveis, áreas de apoio e espaços para feiras e exposições.

Esclarecimento pode ser pedido até 1º de fevereiro

Interessados que precisem de esclarecimentos e informações complementares têm até 1º de fevereiro para mandar dúvidas por escrito para a Subsecretaria de Parcerias Público-Privadas ou pelos e-mails ppp@fazenda.df.gov.br e ccug.ppp@fazenda.df.gov.br.

As correspondências devem ser endereçadas ao protocolo-geral da Secretaria de Fazenda, Setor Bancário Norte, Quadra 2, Bloco A, Edifício Vale do Rio Doce, 9º andar, sala 902, CEP 70.049-909.

O contato deve ser feito até as 17 horas de 1º de fevereiro, identifica o item ao qual se refere a solicitação. É a última chance para elucidações no processo, que já teve audiência pública, em 10 de maio, e duas consultas públicas – de 20 de abril a 20 de maio e de 22 a 29 de agosto.

 

 
 

Fonte: Agência Brasília

 
 

Atualizado em 19/10/2018 às 17:18

 
  •  
  • ENDEREÇOS
  •    Secretaria de Economia do Distrito Federal
  • Anexo do Palácio do Buriti
  • 10º andar, sala 1001
  • CEP: 70075-900
  •    Protocolo Central
  • Protocolo Central Ed. Anexo - Palácio do Buriti, Térreo, sala 106 - Brasília - DF
  • CEP: 70075-900
  • Central 156 (Distrito Federal)
  • 0800-644-0156 (demais localidades)
  •  
  • Acesso à Informação