Postado em 08/03/2017 às 13:49

Desperdício de água pode render multa de R$ 250

Plano de punição para quem fizer uso não prioritário dos recursos hídricos, como lavagem de carros e manutenção de piscinas, será apresentado em audiência pública nesta quinta (9)

 

 

 

 

 
 

 A Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa-DF) pretende estabelecer multa de R$ 250 para quem desperdiçar água potável da rede pública em meio à maior crise hídrica da história do DF. A minuta da resolução que trata do assunto será apresentada em audiência pública nesta quinta-feira (9).

 

Com base em propostas da população, o texto final pode ser alterado. O encontro será das 9 às 12 horas, no auditório da Adasa (Estação Rodoferroviária, Sobreloja).

 

De acordo com a minuta, são considerados usos não prioritários da água:

 

a lavagem de veículos, de ruas, de garagens, de pátios, de calçadas e de fachada de prédios;

a irrigação paisagística;

e a manutenção de piscinas.

Advertência e multa aplicadas pela Adasa-DF

A própria Adasa ficará responsável pela fiscalização. A multa não é o primeiro passo. Quem for flagrado será advertido por escrito. Só em caso de reincidência terá de pagar R$ 250, valor que dobra – ou seja, R$ 500 – se o problema ocorrer uma terceira vez.

 

O infrator pode recorrer com uma exposição de motivos à Adasa em que justifique o uso da água potável.

 

Segundo o coordenador de Regulação da Superintendência de Água e Esgoto da Adasa, Pablo Serradourada, a medida serve para sensibilizar os usuários em relação ao tema. “A água tem custo, não é barata, e não tem sentido jogá-la no chão e desperdiçar, por exemplo, até 580 litros em uma lavagem de carro.”

 

Equipes da Agefis [Agência de Fiscalização], do Ibram [Instituto Brasília Ambiental] e da Polícia Militar estarão nas ruas para fazer flagrantes. Ainda de acordo com Serradourada, a agência reguladora estuda uma forma de coletar denúncias feitas por cidadãos.

 

Nesta quarta-feira (8), o nível do Reservatório da Barragem do Descoberto estava em 43,48%, e o de Santa Maria, em 47,76%.

 

Audiência pública sobre medidas contra o desperdício de água

9 de março (quinta-feira)

Das 9 às 12 horas

No Auditório Humberto Ludovico de Almeida Filho, da Adasa-DF (Estação Rodoferroviária, Sobreloja)

Texto da minuta da resolução sobre o tema

 

 
 

Fonte: Agência Brasília

 
 

Atualizado em 29/10/2018 às 16:34

 
  •  
  • ENDEREÇOS
  •    Secretaria de Economia do Distrito Federal
  • Anexo do Palácio do Buriti
  • 10º andar, sala 1001
  • CEP: 70075-900
  •    Protocolo Central
  • Protocolo Central Ed. Anexo - Palácio do Buriti, Térreo, sala 106 - Brasília - DF
  • CEP: 70075-900
  • Central 156 (Distrito Federal)
  • 0800-644-0156 (demais localidades)
  •  
  • Acesso à Informação