Postado em 23/01/2017 às 09:17

Desembargador Rômulo de Araújo Mendes toma posse no TJDFT

Governador Rodrigo Rollemberg compôs mesa de honra na sessão desta sexta-feira (20) em que o juiz foi promovido

 

 

 

 

 
 

O magistrado Rômulo de Araújo Mendes foi empossado, na tarde desta sexta-feira (20), no cargo de desembargador do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT). Juiz de direito de segundo grau, ele foi promovido em solenidade na presença de autoridades e de familiares.

Entre os presentes, o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, acompanhou a solenidade à mesa de honra, ao lado do presidente do tribunal, Mario Machado Vieira Netto, que definiu o novo desembargador como “enérgico, defensor da democracia e do estado de direito” ao dar as boas-vindas.

Mendes assinou o termo de posse e se comprometeu a promover justiça e cumprir a Constituição Federal. Após o rito, ele recebeu a medalha da Ordem do Mérito Judiciário do Distrito Federal e dos Territórios. O magistrado ocupa a vaga decorrente da aposentadoria do desembargador José Carlos Souza e Ávila e, a partir de agora, integra a 1ª Turma Cível e a 1ª Câmara Cível do TJDFT.

A mesa de honra da cerimônia foi composta também pelo ministro do Tribunal de Contas da União Raimundo Carreiro; o procurador-geral de Justiça do DF, Leonardo Bessa; o presidente da Câmara Legislativa, deputado distrital Joe Valle (PDT); o presidente da seccional da Ordem dos Advogados do Brasil do DF (OAB-DF), Juliano Costa Couto; e o presidente da Associação dos Magistrados do DF e dos Territórios, Fábio Francisco Esteves.

Perfil do novo desembargador do TJDFT

Natural de Patrocínio (MG), o magistrado Rômulo de Araújo Mendes tomou posse como juiz de direito substituto da Justiça do DF em maio de 1993, sendo promovido a titular, perante a 2ª Vara Cível de Taguatinga, em fevereiro de 1996.

Em Brasília, Mendes atuou na 9ª Vara Cível, no 7º Juizado Cível, na 5ª Vara da Fazenda Pública e na 6ª Vara de Família. Foi juiz assistente da Corregedoria (2004-2007), membro suplente das turmas recursais, juiz eleitoral e atuou como convocado em várias ocasiões. Em novembro de 2014 foi removido, pelo critério de merecimento, para o cargo de juiz de direito substituto de segundo grau.

 
 

Fonte: AGÊNCIA BRASÍLIA

 
 

Atualizado em 05/11/2018 às 17:11

 
  •  
  • ENDEREÇOS
  •    Secretaria de Economia do Distrito Federal
  • Anexo do Palácio do Buriti
  • 10º andar, sala 1001
  • CEP: 70075-900
  •    Protocolo Central
  • Protocolo Central Ed. Anexo - Palácio do Buriti, Térreo, sala 106 - Brasília - DF
  • CEP: 70075-900
  • Central 156 (Distrito Federal)
  • 0800-644-0156 (demais localidades)
  •  
  • Acesso à Informação